Permafrost do Ártico está a passar por degelo colossal 70 anos antes do previsto

Permafrost do Ártico está a passar por degelo colossal 70 anos antes do previsto

Que relação há entre o Feng Shui e o aquecimento global  e o degelo? O que o Feng Shui tem a ver com sustentabilidade?

Se reparar bem nas minhas páginas de Facebook e Instagram, ambas focam-se essencialmente em temas relacionados com a Natureza, na ENERGIA  da Terra e do Céu, não somente porque a amo e admiro, mas porque a minha profissão é usar esta energia para trazer mais equilíbrio aos lares dos meus clientes.

Respondendo às questões que iniciaram este artigo.

Feng Shui tem tudo a ver com questões relacionadas com aquecimento global, energias sustentáveis, permacultura e cultura biológica, sustentabilidade, etc, pois o seu objecto de estudo é a energia e o objectivo é equilibra-la, pois energia em equilíbrio dá saúde e bem-estar e viver sustentavelmente, é o mesmo que dizer viver em harmonia com a Natureza.

Viver em harmonia com a Natureza  não é viver no campo e não ter carro movido a petróleo, mas viver em harmonia com a Natureza também não é escravizar a terra e animais e entupi-los de químicos, não é produzir coisas que poluem e destroem terras, rios e mares e todos os seres que lá vivem.

Os hábitos humanos que desequilibram a harmonia da Terra estão a refletir-se na nossa saúde, nunca tivemos tantos medicamentos, hospitais e médicos e cada vez há mais doentes e morte por doença.

Não é óbvio que poluindo a natureza estamos a poluir-nos também?

Os tempos mudaram, tudo muda, mas há coisas que duram milhões de milhares de anos, como a vida neste planeta e as suas dinâmicas ou leis. Por mais modernos que sejamos, ainda somos parte da natureza, precisamos de Feng – Vento (AR em movimento) e Shui – Água, de terra e de Sol e pólen das flores, de minerais que vêm através dos alimentos e da água e tantos outros nutrientes da Terra e do Céu para viver, e agimos como se fossem dados adquiridos?

Pior, vivemos sem saber usar a imensidão de energia disponível para uma vida equilibrada, que é o mesmo que dizer uma vida vibrante, saudável e feliz.   Em vez disso construímos uma realidade recheada de perigos, ameaças, stresse, coação, subjugação, injustiças, medo, mentira, poluição, dor e doenças.

Mas voltando ao aquecimento global.

É certo que o excesso do elemento Fogo contribui para o aquecimento global.  Fogo é petróleo e seus derivados de plástico que estão nas roupas, embalagens, materiais de construção, móveis, brinquedos, etc, produtos químicos, medicamentos, estradas de alcatrão cheias de carros quentes, produção excessoiva de animais para abate, cidades ilumindas 24h por dia. Isto tudo é energia fogo que aquece o ambiente.

Certa pessoa contou-me uma vez, que o consumo de petróleo era o maior causador de desequilíbrio no planeta,  mas não somente por causa das suas emissões no ar, mas principalmente por causa da extração de crude. Sendo o interior da Terra de Fogo (Yang) e o seu exterior de Água e Terra (Yin) o crude (fogo em estado líquido) é como um mediador entre o Yin e o Yang, para que o equilíbrio da Natureza se mantenha. Uma hipótese baseada em conhecimentos antigos sobre a Natureza (sim, já sabiam da existência do petróleo milhares de anos antes de ser explorado). Quiçá daqui a 2000 anos os cientistas consiguam provar esta hipótese, como ultimamente os de agora andam a provar coisas já conhecidas e usadas há milhares de anos.

Outra das hipóteses que pode estar a contribuir para o aquecimento global,  pode ter a ver com uma maior actividade vulcânica do que é normal, fenómeno que também aquece a terra e as águas. Em 2018, a onda de calor que varreu o norte da Europa certamente foi causada por uma forte actividade vulcância nos fundos dos mares do norte, aquecendo as águas que costumam rondar graus negativos, mesmo no verão, para 17 graus centígrados positivos.

Ainda outra hipótese, podem ser explosões solares, como alguns defendem.Os índios Iunit dizem que o desgelo tem relação com alterações do Sol.

Outros defendem que o aquecimento global e o degelo é normal, faz parte dos cículos da Terra e dão logo o exemplo da Idade do Gelo.

Muitos acreditam que a questão do aquecimento global é uma estratégia política, para um novo grupo de pessoas chegar ao poder e abrir espaço para novas coorporações de produção de energia sustentável.

Como muitos dos líderes continuam nas suas lides, com os banqueiros e grandes coorporações e pouco estão conscientes do impacto que a nossa acção desequilibrada tem na Natureza, da qual somos parte, e que sem planeta Terra, não há vida para os Humanos, nem tão pouco palco para continuar a excercer o poder.

E a esmagaradora maioria dos humanos andam, ora ocupados a produzir mais, ora entretidos a consumir, para não pensar seriamente no assunto e fazer mais qualquer coisa.

Esta notícia, de que o degelo está a dar-se 70 anos antes do previsto, é indicador claro que a luz vermelha que falei em 2016  já fundiu de tanto tempo piscar, o aquecimento global, o degelo até podem ser contestados, mas a poluição e a contaminação  é uma realidade que dificilmente se pode negar.

O que fazer?

 

No Comments

Post A Comment
X